Gallery

Fundador da Gradiente diz que o nome iPhone pertence a empresa (atualizado)

Por: Vinícius Lopes - Tecnologia em Geral

  Hoje foi lançado o novo smartphone da Gradiente cujo o nome é Gradiente Iphone Neo One, mas o fundador da empresa Eugênio Staub diz que não houve plágio e nem tenta iludir o consumidor, segundo ele o smartphone da Gradiente tem um sistema totalmente diferente do iPhone da Apple, o Gradiente Neo One tem sistema Android, ainda há também as datas de nomes cadastrados, a Gradiente cadastrou o nome em 2000, quando ele era representante oficial da Nokia no Brasil, a Apple cadastrou o nome em 2006 e conseguiu a concessão em 2011, a concessão da Gradiente veio em 2008. Lembrando que o nome cadastrado pela Gradiente é ''G (simbolo da empresa) Gradiente Iphone'', enquanto a Apple tem registrado apenas a palavra ''iPhone'', mas o nome do produto no caso ''IPHONE'', pertence sim a Gradiente pois está no mesma categoria de produtos e tem o nome na ''frase'' registrada pela Gradiente em 2000.
  Eugênio Staub diz que a Apple nunca procurou a empresa para negociação, e ela fez um erro, segundo a especialista Silvia Rodrigues responsável pelo registro de nomes no país na INPI, o órgão errou em ter deixado a Apple registrar o nome pois pertencia e pertence a Gradiente.
  A Gradiente diz que está disposta a negociação com a Apple.

ATUALIZAÇÃO

  Todo mundo se perguntou por que a Gradiente só lançou um iPhone só depois do aparelho da apple fazer sucesso, mas ela já tinha lançado um iPhone ainda em 2000.
Fonte da imagem: Gradiente
  Como pode ver nada mais é que um celular da Nokia, mas a Gradiente tinha os direitos da Nokia no Brasil.
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Obrigado pelo seu comentário