Gallery

Cisco apresenta o Futuro do Vídeo durante a ABTA 2014

Por: Diego Macedo - Press Porter Novelli

Demonstração especial acontece em ambiente imersivo e com conteúdo interativo. Baseada na plataforma Cisco Videoscape e Internet of Things, o conceito leva o usuário a uma experiência única  e sem barreiras; novos serviços de vídeo na nuvem e soluções voltadas para tecnologias RDK e 4K/Ultra HD também serão destacadas pela Cisco

A Cisco apresenta na ABTA 2014 sua visão do Futuro do Vídeo: um ambiente imersivo onde o conteúdo interativo é disposto nas paredes e controlado por uma interface móvel. Batizada de “Future of Video” e baseada na plataforma de múltiplas telas Cisco Videoscape e Internet of Things, a demonstração amplia e unifica a experiência do usuário, que hoje se divide entre a TV e a Internet.

Composta por uma tela principal de seis monitores e uma lateral com outros três, todos controlados por um tablet, a demonstração pode exibir simultaneamente o conteúdo principal e itens adicionais, como e-commerce sincronizado, acesso às redes sociais e até mesmo videoconferência, aprofundando a experiência do usuário. Quando as telas não estão em uso, transformam-se em um papel de parede, integrando-se à decoração ambiente.

“Queremos demonstrar como o vídeo será consumido na casa do cliente em um futuro próximo”, explica Hugo Baeta, diretor comercial para o segmento de Operadoras da Cisco do Brasil. Segundo o executivo, a experiência do usuário hoje é fragmentada, com conteúdo em diferentes meios. Com a Internet de Todas as Coisas – que prevê maior conectividade entre coisas, dados, processos e pessoas - a tendência é que essa diversidade de experiência convirja para um ambiente único e sem barreiras, onde o usuário tenha o controle do que e onde quer ver, o que pode ocorrer até mesmo em paredes. “A ideia é trazer uma nova experiência para o usuário, que poderá escolher acessar o conteúdo de forma mais imersiva”, completa.

O “Future of Vídeo” ganhou projeção internacional em 2013, quando arrebatou o prêmio de Inovação na NAB Show, evento anual das emissoras dos Estados Unidos, e chega agora ao Brasil na ABTA 2014, em sessões agendadas. Além do aspecto de ficção científica, outro destaque é a inovação no quesito técnico ao utilizar o Videoscape, considerada a primeira “plataforma de experiência” da indústria totalmente baseada em computação em nuvem, possibilitando às provedoras muito mais agilidade e qualidade na entrega de produtos e serviços, além de abrir novas fontes de receita e garantir personalização ao assinante e sua fidelização.

Videoscape Cloud Experiences e o 4K

A Cisco também apresenta na ABTA 2014 suas soluções na área de cloud aplicadas ao vídeo. Reunidas sob o nome de “Videoscape Cloud Experience”, as demonstrações da companhia mostrarão como a plataforma Videoscape e seus recursos de cloud podem simplificar as operações de infraestrutura nas operadoras, proporcionando flexibilidade e reduzindo custos. Além disso, com a forte concorrência das “over-the-top” (OTTs), as operadoras cada vez mais buscam na nuvem soluções que ofereçam meios de diferenciar sua marca, proporcionando experiências exclusivas como o 4K e ao mesmo tempo acelerando a velocidade de seus serviços.

Um dos destaques da Cisco na área é o Videoscape AnyRes, encoding com suporte full-frame a conteúdo 4K / Ultra High Definition e ao padrão HEVC. Disponíveis hoje para provedores de serviço e companhias de mídia, o Videoscape AnyRes permite ao cliente simplificar o processamento de vídeo e sua distribuição, além de acelerar a transição para plataformas baseadas em IP. O encoding Videoscape AnyRes também oferece interface para set-top box e o Snowflake, interface HTML para o usuário com suporte total do 4K até o tablet.

Outro destaque é a solução Cisco Videoscape Multiscreen Cloud DVR e os diversos casos de uso demonstrados. O Cloud DVR permite a usuários capturar e gerenciar as gravações na nuvem, reproduzindo-os posteriormente em qualquer dispositivo conectado, além da possibilidade de pausar ou reiniciar programas ao vivo, fazendo facilmente a troca entre conteúdo stream e cloud. Flexibilidade para UX e informações de monetização para provedoras de serviço também são destaque nas demonstrações Videoscape Cloud Experience.

Pioneirismo em RDK

Por fim, a Cisco também exibe na ABTA 2014 suas atividades na área do RDK (Reference Design Kit), plataforma middleware aberta baseada em Linux onde apenas as aplicações são proprietárias. A companhia é uma das pioneiras de desenvolvimento em RDK nos Estados Unidos e Europa e tem toda a tecnologia necessária para sua implantação. O destaque vai para o Videoscape Snowflake 14, software aberto baseado em HTML5 que permite enriquecer o conteúdo web, incrementando também a receita média por usuário e possibilitando total integração entre RDK e set-top-box.

“A Cisco está envolvida no desenvolvimento de middleware baseados em RDK com referências comerciais na Europa e outros projetos em andamento. Todas as arquiteturas da Cisco são desenhadas para Cloud e/ou para instalação na própria operadora”, afirma Nicolas Choquart, diretor de desenvolvimento de negócios para o segmento de Operadoras da Cisco.

Além do RDK, do Videoscape Cloud Experiences e da demonstração especial “Future of Video”, a Cisco também marca presença na ABTA com palestras e sessões com especialistas:

- Dia 5 de agosto, às 12h30 – Sala 2 – Apresentação
“Cloud DVR. Como as novas tecnologias permitem às operadoras armazenar conteúdo além do set-top-box, dando flexibilidade para criar e oferecer serviços em múltiplas plataformas”.      
Hugo Marques, consultor de Engenharia da Cisco do Brasil.

- Dia 06 de agosto, às 14 horas: STA 8 – Apresentação
“A evolução do vídeo por IP. Como a operadora pode migrar seu ambiente clássico para um ambiente de vídeo sobre IP para oferecer novos serviços”.
Participação de Andrey Lee, consultor de Engenharia da Cisco do Brasil

A ABTA 2014 ocorre de 5 a 7 de agosto no Transamérica Expo Center, localizado na Av. Dr. Mário Villas Boas Rodrigues, 387 – Santo Amaro – São Paulo – SP.
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Obrigado pelo seu comentário